MISSÃO/MISSION/MISIÓN
Divulgar a produção de conhecimento em Educação, nos âmbitos nacional e internacional, promovendo a difusão e socialização de estudos e pesquisas, buscando a qualificação do pensamento em educação brasileiro

VISÃO/VISION/VISIÓN
Ser reconhecida nacionalmente como periódico de referência na área de Educação em geral e de Educação Católica, de forma especial.

FOCO E ESCOPO/FOCUS AND SCOPE/FOCO Y ESCOPO
A Revista de Educação é uma publicação científica da Associação Nacional de Educação Católica – ANEC, e tem como propósito a difusão da produção científica em Educação, propiciando e fomentando o debate e o diálogo acadêmico sobre temáticas de relevância no cenário educacional nacional e internacional, sendo um dos únicos meios de divulgação acadêmico da educação católica. Publica artigos, ensaios, resenha, tradução e entrevistas. Tem periodicidade semestral – julho e dezembro -, com números por demanda contínua e/ou temático. Seu público alvo são os profissionais e pesquisadores dos diferentes campos da Educação em geral, da Educação Católica e de áreas afins. A linha editorial da revista tomará como referência a educação, em suas múltiplas possibilidades de interface com a sociedade, com ênfase nos processos educativos na perspectiva humanista.

OBJETIVOS/GOALS/OBJETIVOS
1. Ser veículo de reflexão sobre os processos educativos em consonância com os valores cristãos;
2. Atuar no sentido da reflexão crítica e produção do saber, sobre a ação educativa;
3. Fornecer subsídios para que educadores repensem a sua ação educativa e evangelizadora;
4. Sistematizar as ações das instituições católicas de educação e sua importância na inserção social;
5. Constituir-se como um canal de diálogo com outros setores da sociedade;
6. Ser um espaço de reflexão e avaliação da educação brasileira e latino-americana.

O embrião, que marca o início da Revista de Educação ANEC, se origina da necessidade de divulgar, para os associados, circulares e informativos próprios, assim, no princípio, utiliza-se da Revista Servir, da Editora Agir e, depois, elabora-se o Caderno da AEC do Brasil, que se insere na Revista Vozes e na Revista Nosso Século, numa sequência de “longa e tranquila gestação”. Em 1971, publica-se o Boletim da AEC do Brasil e, em 1976, a Revista de Educação AEC.

No seu percurso, a Revista de Educação AEC vai conquistando seu espaço e, também, maturidade no meio católico e educacional em geral. Consegue manter periodicidade, publicando os números em cada ano civil até 1984, ano considerado um divisor de águas para a revista, que passa por mudanças significativas em sua organização.

Nesse mesmo ano, são criados um Conselho Editorial, uma Equipe Técnica, um Corpo de Consultores, uma Carta de Princípios da Revista, além dos objetivos da mesma. Outra mudança significativa é a realização dos Seminários da Revista, em que cada tema a ser tratado é discutido por especialistas e o próprio Conselho Editorial, gerando posteriormente uma proposta completa e, inclusive, nomes a serem contatados para elaboração dos artigos que iriam compô-la.

A Revista de Educação AEC continua até 2007, por 36 anos de ininterrupta publicação, quando a AEC, juntamente com a ANAMEC e ABESC se fundem, dando origem à Associação Nacional de Educação Católica do Brasil (ANEC). A partir dessa data, o periódico passa a se intitular Revista de Educação ANEC e vigora até 2010, quando por diversos motivos é interrompido, retomando em 2017 sua publicação.