Direitos Humanos e Utopia

Autores

  • Adelino Francisco de Oliveira Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo, Piracicaba/SP

DOI:

https://doi.org/10.22560/reanec.v44i157.172

Resumo

O presente artigo vislumbra analisar a concepção de dignidade humana, como fundamento para a construção dos direitos humanos. O artigo procura debater ainda sobre as implicações sociais que se desdobram das lutas por direitos humanos, demonstrando que o capitalismo neoliberal se coloca em confronto com a perspectiva dos direitos humanos. Em uma radicalidade transformadora, dos direitos humanos brota a utopia do reino da liberdade, compreendida como edificação de uma nova realidade social, pautada no primado da democracia de alta intensidade, do direito, da justiça e da ética da alteridade.

Biografia do Autor

Adelino Francisco de Oliveira, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo, Piracicaba/SP

Pós-doutorado, pelo Departamento de Economia, Administração e Sociologia, da Universidade de São Paulo, Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz" USP/ESALQ. Doutorado em Filosofia, pela Universidade Católica Portuguesa (2013). Mestrado em Ciências da Religião, pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2004). Graduado em Filosofia pela Universidade São Francisco (1996). Professor de Filosofia no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo, campus Piracicaba. Líder do Grupo de Pesquisa Direitos Humanos e Juventude. Pesquisador do Observatório de Criminalização da Pobreza e dos Movimentos Sociais. Pesquisador do Grupo de Pesquisa Pós-Modernidade e Religião (Pós-Religare). E-mail: adelino.oliveira@ifsp.edu.br

Arquivos adicionais

Publicado

2018-12-05

Como Citar

Oliveira, A. F. de. (2018). Direitos Humanos e Utopia. Revista De Educação ANEC, 44(157), 12-24. https://doi.org/10.22560/reanec.v44i157.172