Educação lassalista

formação da cidadania global e internacionalização do ensino

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22560/reanec.v49i162.296

Resumo

A educação lassalista possui fundamentos que se aplicam nos mais diferentes
países, em todos níveis de ensino, desde a Educação Infantil até a pós-graduação. Assim,
o objetivo geral deste artigo consiste em analisar como a educação lassalista contribui para
a formação da cidadania global e da internacionalização do ensino. No referencial teórico
destacam-se: Menegat, Menezes e Lauraire, que discorrem sobre a educação lassalista; e
Stallivieri, Gacel-Ávila e Miranda e Fossatti, que tratam da cidadania global e a conexão
com a internacionalização do ensino. O método utilizado é a pesquisa bibliográfica referente aos fundamentos da educação lassalista e aos conceitos de cidadania global. Os
principias resultados encontrados foram: a) que existem três fundamentos da educação
lassalista: crescimento de pessoas e comunidades, transformação da pessoa na perspectiva
divina e ação pastoral; b) a cidadania global está relacionada com o conceito de internacionalização do ensino; c) os valores lassalistas de autonomia, responsabilidade, civilidade, respeito e amor ao próximo contribuem para a formação da cidadania global.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Charlene Bitencourt Soster Luz, Unilasalle

Mestra em Educação pela Universidade La Salle. Professora de Logística, Administração e
Recursos Humanos. Integrante do Grupo de pesquisa Gestão Educacional nos diferentes contextos. 

Hildegard Susana Jung, Unilasalle

Doutora em Educação pela Universidade La Salle - Campus Canoas (2018). Mestrado em Educação pela URI - Campus Frederico Westphalen (2015), Especialização em Psicopedagogia Institucional (2009), e Graduação em Normal Superior pela Faculdade de Tecnologia e Ciências (2007). Atualmente é docente e Coordenadora do curso de Pedagogia, professora e pesquisadora permanente do Programa de Pós-Graduação em Educação da Unilasalle. Está cursando a Especialização interinstitucional em Docência Universitária na Contemporaneidade, ofertada pelo Consórcio das Universidades Comunitárias Gaúchas (COMUNG). Tem experiência na Educação Básica, Ensino Técnico e de Idiomas, com ênfase na formação docente. Linha de pesquisa: Formação de Professores, Teorias e Práticas Educativas, atuando principalmente nos temas: formação docente, aprendizagem, protagonismo estudantil, autonomia, processos educativos, gestão e participação democrática, currí­culo disruptivo e polí­ticas públicas educacionais. É vice-lí­der do Grupo de Pesquisa Gestão Educacional nos diferentes contextos - Unilasalle. Tradutora da RIFP (Revista Internacional de Formação de Professores), membro dos conselhos editorial das Edições Hipótese, Revista Vivências e Revista de Educação da ANEC. Juntamente com Edite Sudbrack, é autora do livro "Educação e Formação Continuada: Uma análise do Pacto Nacional do Ensino Médio - Percalços, Desafios e Possibilidades", lançado em maio de 2016 pela editora CRV, além de diversas outras publicações em periódicos nacionais e internacionais, e capí­tulos de livros.

José Alberto Antunes de Miranda, Unilasalle

Possui graduação em Direito pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (1996), Especialização em Integração e Mercosul pela UFRGS (1999), Mestrado em Relações Internacionais pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2004) e Doutorado em Estudos Estratégicos Internacionais pela UFRGS (2012). Atualmente é Assessor de Assuntos Interinstitucionais e Internacionais e professor permanente do Programa de Pós-graduacao em Direito e Sociedade além de integrar o corpo docente do Curso de Relações Internacionais da Universidade La Salle. Também é professor visitante ilustre da Universidade Católica de Trujillo no Peru.Tem experiência na área de Relações Internacionais e Direito, com ênfase nas areas de Direito das Relações Internacionais, Direito Internacional, Integração Regional, Polí­tica Externa além de Internacionalização da Educação Superior. Também possui experiência na area de Gestão da Internacionalização das Instituicoes de Ensino Superior onde matém publicação cientí­ficas. Atualmente também coordena o projeto de extensão comunitária Universidade La Salle inclui: apoio aos imigrantes.

Referências

AZEVEDO, Márcio Luiz Neves; SILVA JUNIOR, João dos Reis; CATANI,

Afrânio Mendes. A internacionalização da educação superior em diálogos:

circulação de ideias, bem público e imperialismo cultural. In: SILVA JUNIOR,

João dos Reis et al. Educação Superior: Internacionalização e repercussões em

um campo de disputas. Belo Horizonte: Fino Traço, 2015. p. 49-67.

BRASIL. Constituição da República Federativa do Brasil de 1988. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 5 out. 1988. Disponível em: http://www.planalto.

gov.br/ccivil_03/constituicao/constituicao.htm Acesso em: 3 jan. 2020.

BRASIL. Decreto nº 7.642, de 13 de dezembro de 2011. Institui o Programa

Ciência sem Fronteiras. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 14 dez. 2011.

Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2011-2014/2011/

decreto/d7642.htm. Acesso em: 25 jan. 2020.

BRASIL. Lei nº 13.005, de 25 de junho de 2014. Aprova o Plano Nacional de

Educação - PNE e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília,

DF, 26 jun. 2014. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_

ato2011-2014/2014/lei/l13005.htm. Acesso em: 14 jan. 2020.

CORSATTO, Marcos Luciano. Princípios pedagógicos e administrativos

de La Salle no Guia das Escolas Cristãs. 2007. 123f. Dissertação (Mestrado

em Administração, Educação e Comunicação) – Universidade São Marcos, São Paulo, 2007. Disponível em: https://docplayer.com.br/8725299-Marcos-luciano-corsatto.html. Acesso em: 27 jan. 2020.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia. 52 ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2015.

GACEL-ÁVILA, Jocelyne. La ciudadanía global, un concepto emergente y polémico. Educación Superior y Sociedad, v. 21, n. 21, p. 39-59, 2017. Disponível em: http://www.iesalc.unesco.org/ess/index.php/ess3/article/view/26.

Acesso em: 12 fev. 2020.

GIL, Antonio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. 6. ed. São Paulo:

Atlas, 2012.

GRACINDO, Regina Vinhaes. Gestão democrática nos sistemas e na escola. Brasília: Universidade de Brasília, 2007.

IALU - International Association of Lasallian Universities. Estatuto. 2012.

IALU - International Association of Lasallian Universities. Planejamento

estratégico. 2013.

KNIGHT, Jane; DE WIT, Hans. Internacionalização do ensino superior: passado e futuro. Ensino Superior Internacional, n. 95, p. 2-3, 2018. Disponível

em: https://docplayer.com.br/132566745-Ensino-superior-internacional-international-higher-education.html. Acesso em: 20 abr. 2020.

LAURAIRE, Léon. Guia das Escolas Cristãs. Projeto de educação humana e

cristã. Caderno MEL 12, p. 1-40, s/d. Disponível em: http://www.irmaosdelasalle.org/public/uploads/irmaos/881908cfe343665f6c60383ef535a7b2.pdf.

Acesso em: 27 jan. 2020.

LEUBET, Angelo Ezequiel. A Gestão da Qualidade da Educação Lassalista no Brasil. 2015. 110f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade

La Salle, Canoas, 2015. Disponível em: http://repositorio.unilasalle.edu.br/

handle/11690/720. Acesso em: 28 jan. 2020.

MENEGAT, Jardelino. O ideário educativo lassalista e os marcos regulatórios

de educação: pilares para uma educação de qualidade. 2016. 347f. Tese (Doutorado em Educação) – Canoas, Universidade La Salle, Canoas, 2016. Disponível em:

http://repositorio.unilasalle.edu.br/handle/11690/924. Acesso em: 27 jan. 2020.

MENEZES, Loiva Teresinha Soares de. Uma análise gramsciniana do conceito de projeto político-pedagógico no contexto da educação lassalista.

106f. Dissertação (Mestrado em Teologia) – Escola Superior de Teologia,

São Leopoldo, 2006. Disponível em: http://www3.est.edu.br/biblioteca/btd/

Textos/Mestre/menezes_lts_tm138.pdf. Acesso em: 27 jan. 2020.

MIRANDA, José Alberto Antunes de; FOSSATTI, Paulo. Gestão da internacionalização da Educação Superior: desafios para o desenvolvimento do estudante global. Revista de Educação PUC-Campinas, v. 23, n. 2, p. 273-289,

Disponível em: http://periodicos.puc-campinas.edu.br/seer/index.php/

reveducacao/article/view/3811/2612. Acesso em: 12 fev. 2020.

MIRANDA, José Alberto Antunes de; SCHWARTZ, Germano. Globalização

e Direito: Revalidação e Reconhecimento de Títulos pelo Brasil. Rev. Fac. Dir.

Sul de Minas, Pouso Alegre, v. 32, n. 1, p. 163-178, jan./jun. 2016. Disponível

em: https://www.fdsm.edu.br/adm/artigos/974dc7bb2cdf40d78a4304f2468f9cf4.pdf. Acesso em: 17 abr. 2020.

MIRANDA, José Alberto Antunes de; STALLIVIERI, Luciane. Para uma política pública de internacionalização para o ensino superior no Brasil. Avaliação,

v. 22, n. 3, p. 589-613, nov. 2017. Disponível em: http://periodicos.uniso.br/

ojs/index.php/avaliacao/article/view/3135/2829. Acesso em: 14 jan. 2020.

PAULY, Evaldo Luis; CASAGRANDE, Cledes Antonio; CORBELLINI, Marcos Antonio. Entre omissão, desconhecimento e reconhecimento: João Batista

de La Salle na pesquisa em educação no Brasil. Rev. Bras. Educ., Rio de Janeiro, v. 23, e230079, 2018. Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/rbedu/

v23/1809-449X-rbedu-23-e230079.pdf. Acesso em: 27 jan. 2020.

PEREIRA, Elisabete de Aguiar; PASSOS, Rogério Duarte Fernandes. A internacionalização do ensino superior e os programas de mobilidade educacional. In:

PEREIRA, Elisabete de Aguiar; HEIZLE, Marcia Regina Selpa (org.). Internacionalização na Educação Superior. Blumenau: Edifurb, 2015. cap. 2, p. 52-67.

REDE LA SALLE. Proposta educativa. ©2020. Disponível em: https://www.

lasalle.edu.br/educacao-lassalilsta/proposta-educativa. Acesso em: 12 jan. 2020.

SOUZA, José Vieira. Internacionalização da Educação Superior como indicador do Sinaes: de qual qualidade estamos falando? Educação, v. 40, n. 3, p.

-354, set./dez. 2017. Disponível em: http://revistaseletronicas.pucrs.br/

ojs/index.php/faced/article/view/28979/16528. Acesso em: 19 abr. 2020.

STALLIVIERI, Luciane. Internacionalização e Intercâmbio. São Paulo:

Editora Apris, 2017.

TREVISOL, Marcio Giusti; FÁVERO, Altair Alberto. As diversas faces da

internacionalização: análise comparativa entre duas instituições comunitárias

do sul do Brasil. Revista Internacional de Educação Superior, Campinas,

v. 5, p. 1-22, jan. 2019. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/

index.php/riesup/article/view/8653894/19100. Acesso em: 22 abr. 2020.

UNESCO - United Nations Educational, Scientific and Cultural Organization.

Global Citizenship Education: An Emerging Perspective. Paris: UNESCO, 2013.

Downloads

Publicado

2021-03-17