A percepção docente sobre o material didático digital em plataforma de educação on-line

um estudo de caso em escola confessional de Educação Básica

Autores

  • Gilson Oliveira Cardoso Rede Salesiana de Escolas
  • Lucia Maria Martins Giraffa Pontifí­cia Universidade Católica do Rio Grande do Sul - PUCRS

DOI:

https://doi.org/10.22560/reanec.v49i162.322

Resumo

Este artigo apresenta os resultados de uma pesquisa embasada por uma
abordagem fenomenológica, desenvolvida por meio de abordagem qualitativa/exploratória e apoiada em um estudo de caso em escola confessional de Educação Básica
da cidade de Porto Alegre, onde investigamos as restrições e dificuldades percebidas
pelos professores que utilizam material didático digital, quanto à sua integração em
uma plataforma on-line, a fim de que esta seja considerada por eles fonte primária
(preferencial) para a organização do processo de ensinar. Os dados foram observados
a partir da análise textual discursiva (ATD) proposta por Moraes e Galiazzi. As reflexões produzidas nos fizeram compreender que as restrições e dificuldades percebidas
pelos professores da escola estão relacionadas aos aspectos da estruturação dos recursos da plataforma e sua organização, os quais impactam na organização metodológica
dos docentes. Outro aspecto emergente diz respeito à formação continuada dos professores, referindo-se às funcionalidades e atualizações da plataforma e à integração
de materiais oriundos de outras fontes digitaisque sejam dos professores ou sugestões
dos estudantes.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Gilson Oliveira Cardoso, Rede Salesiana de Escolas

Mestrando do Programa de Pós-Graduação em Educação da Pontifícia Universidade Católica
do Rio Grade do Sul (PUC-RS), seguindo a linha de pesquisa Políticas e Práticas em Educação.
Participante do Grupo de Pesquisa Interdisciplinar em Tecnologias Digitais e Educação a Distância (ARGOS). Graduado em Filosofia pela PUC-RS (2008). Especialista em Gestão Estratégica de Pessoas pela PUC-PR (2011) e em Gestão Escolar pela Universidade Católica Dom Bosco (UCDB-MS) (2015). 

Lucia Maria Martins Giraffa, Pontifí­cia Universidade Católica do Rio Grande do Sul - PUCRS

Professora titular da Escola Politécnica/Computação da Pontifícia Universidade Católica do
Rio Grande do Sul (PUC-RS). Pesquisadora e professora permanente do Programa de Pós-Graduação da Escola de Humanidades da PUC-RS desde 2011. Graduada em Licenciatura Plena em Matemática pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) (1979) e em Licenciatura Curta em Ciências pela UFRGS (1979). Especialista em Análise de Sistemas pela PUC-RS (1987). Mestre em Educação pela PUC-RS (1991). Doutora em Ciências da Computação pela UFRGS (1999). Pós-doutora na Universidade do Texas (Austin), no College of Education, Bolsista CAPES, visto J1(2011). 

Referências

ALMEIDA, Maria Elizabeth; VALENTE, José Armando. Políticas de tecnologia na educação brasileira: históricos, lições aprendidas e recomendações.

São Paulo: CIEB, 2016. (CIEB Estudos, 4). Disponível em: https://cieb.net.br/wp-content/uploads/2019/04/CIEB-Estudos-4-Politicas-de-Tecnologia-

-na-Educacao-Brasileira-v.-22dez2016.pdf. Acesso em: 12 jun. 2020

CAPES. Avaliação - Documentos de Área. Triênio 2007-2009. Arquitetura,

Urbanismo e Design. Brasília, 2009.

CARDOSO, Gilson de Oliveira; GIRAFFA, Lucia Maria Martins. Educação

digital e educação inclusiva. Revista de Educação, ANEC. Brasília, v. 45, n.

, p. 153-177, jan./jun. 2019. Disponível em: http://revistas.anec.org.br/

index.php/revistaeducacao/article/view/151/129. Acesso em: 12 jun. 2020.

CERUTTI, Elisabete; GIRAFFA, Lucia Maria Martins. Uma nova juventude

chegou à universidade: e agora, professor? 1. ed. Curitiba: CRV, 2015.

CUBAN, Larry. Why so many structural changes in schools and so little reform

in teaching practice? Journal of Educational Administration, v. 51, n. 2, p.

-125, 2013. Disponível em: https://www.emerald.com/insight/content/

doi/10.1108/09578231311304661/full/html. Acesso em: 9 jun. 2020.

FERNANDES, Jaiza Helena. A perspectiva teórica da cibercultura e formação docente na visão dos licenciandos da UFC sobre o Laboratório

Interdisciplinar de Formação de Educadores (LIFE): desafios e avanços.

204f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Programa de Pós-graduação em Educação Brasileira, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza (CE),

FERREIRA, Patrícia. Material didático digital: experiências de produção e

uso na Pós-graduação em Design na PUC-Rio. 2012. 164p. Tese (Doutorado

em Design) – Departamento de Artes & Design, Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2012.

FRANCISCO, Papa. Mensagem do Papa Francisco para o lançamento do Pacto Global sobre Educação. Vaticano, 12 set. 2019. Disponível

em: http://www.vatican.va/content/francesco/pt/messages/pont-messages/2019/documents/papa-francesco_20190912_messaggio-patto-educativo.

html. Acesso em: 12 jun. 2020.

INEP - Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira. Noventa e cinco por cento das escolas de ensino médio têm acesso à

internet, mas apenas 44% têm laboratório de ciências. 12 fev. 2019

KENSKI, Vani Moreira. Tecnologias e ensino presencial e a distância. 9. ed. São Paulo: Papirus, 2012.

KOEHLER, Matthew; MISHRA, Punya. What is technological pedagogical

content knowledge? Contemporary Issues in Technology and Teacher

Education, v. 9, n. 1, p. 60-70, 2009.

LÉVY, Pierre. Cibercultura. Tradução de Carlos Irineu da Costa. São Paulo:

Ed. 34, 1999.

MEIRINHOS, Manuel. Os desafios educativos da geração net. Revista Psicologia y Educación, v. extra, n. 13, p. 125-129, 2015. Disponível em: https://

core.ac.uk/download/pdf/153413922.pdf. Acesso em: 12 jun. 2020.

MEIRINHOS, Manuel; OSÓRIO, António. Práticas educativas com TIC: uma

proposta de ação. Revista de Estudios e Investigación en Psicología y

Educación, v. 13, p. 120-124, 2015. Disponível em: https://revistas.udc.es/

index.php/reipe/article/view/reipe.2015.0.13.452. Acesso em: 12 jun. 2020.

MORAES, Roque; GALIAZZI, Maria do Carmo. Análise textual discursiva.

ed. Ijuí: Editora Unijuí, 2016. (Coleção Educação em Ciência).

MORAN, José. Tendências da educação on-line no Brasil. In: RICARDO, Eleonora (org.). Educação corporativa e educação a distância. Rio de Janeiro:

Editora Qualitymark, 2005. Disponível em: http://www.eca.usp.br/prof/moran/site/textos/educacao_online/tendencias.pdf. Acesso em: 12 jun. 2020.

PERUSKI, Lisa; MISHRA, Punya. Webs of activity in online course design

and teaching. ALT-J: Research in Learning Technology, v. 12, n. 1, p. 37-49,

PRENSKY, Marc. Digital Natives, Digital Immigrants. On the Horizon, v. 9,

n. 5, p. 1-6, oct. 2001.

PRENSKY, Marc. Brain gain: technology and the quest for digital wisdom.

New York: Palgrave Macmillan, 2012.

REIS, Valdeci. Jovens professores conectados: desafios da docência na era

digital. 2016. 177f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Centro de Ciências

Humanas e da Educação, Universidade do Estado de Santa Catarina, Florianópolis, 2016.

SANARMED. Linha do tempo do Coronavírus no Brasil. ©2020. Disponível em: https://www.sanarmed.com/linha-do-tempo-do-coronavirus-no-brasil.

Acesso em: 12 jun. 2020.

SANTAELLA, Lucia. Comunicação ubíqua: repercussões na cultura e na

educação. São Paulo: Paulus, 2013.

UNESCO - Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a

Cultura. Forum on the impact of open courseware for Higher Education

in developing countries. Final Report. Paris: UNESCO, 2002. Disponível em:

http://unesdoc.unesco.org/images/0012/001285/128515e.pdf. Acesso em: 12

jun. 2020.

UNESCO - Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a

Cultura. Padrões de competência em TIC para professores. Paris: UNESCO, 2008. Disponível em: http://portaldoprofessor.mec.gov.br/storage/materiais/0000012846.pdf. Acesso em: 12 jun. 2020.

VALLETTA, Debora Desenvolvimento profissional docente no contexto

da aprendizagem ubíqua: um modelo para o ciclo de formação continuada.

109p. Dissertação (Mestrado em Educação) – Escola de Humanidades,

Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2015.

VIEIRA, Maristela Compagnoni. Docência em tempos digitais: mapeamento e análise do perfil e da ação do professor frente às tecnologias em cenários

escolares. 2017. 280f. Tese (Doutorado em Informática na Educação) – Centro

de Estudos Interdisciplinares em Novas Tecnologias na Educação, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2017.

Downloads

Publicado

2021-03-17